18/12/2012

O Misterioso Caso de Styles



Esse foi o primeiro livro da Agatha Christie, e a parte boa é que ele não deixa dever nada em questão de qualidade aos outros livros dela.
A parte ruim é que tem o Hastings.

Eu sempre falo que detesto o Hastings toda vez que eu leio um livro com ele, e dessa vez não foi diferente. O fato dessa ser a primeira aparição dele no cânone não o deixou nem um pouco menos chato.

Hastings é convidado a passar uma temporada em Styles, a propriedade da família de seu antigo colega de faculdade John. Acontece que o pai de John morreu e deixou tudo para a madrasta - que é uma velha legalzona e não deixa nada faltar na vida dos seus enteados John e Lawrence. O problema é que a velha casou de novo, com um cara bem mais novo que tem escrito na testa "vou matar minha esposa velha pra ficar com o dinheiro dela".

Até aí, não tinha nada que a família pudesse fazer. Morava todo mundo no casarão: o Sr. e a Sra. Inglethorp (Alfred e Emily), Lawrence, John, Mary (esposa de John), Cynthia (protegida da Sra. Inglethorp) e  Evelyn Howard (dama de companhia da Sra. Inglethorp).

Uma noite, a casa toda acorda com um barulhão, e a Sra Emily Inglethorp morre envenenada. O problema é que o marido - o principal suspeito de ter se livrado dela - tem um álibi imbatível. Além disso, aparentemente a morta morreu com ambas as portas do quarto dela trancadas por dentro!
Outros suspeitos são um médico estranho que parece estar envolvido com Mary e os próprios enteados da morta.

Sabendo que o seu amigo belga pode ajudar no caso, Hastings faz o papel do preocupado amigo da família e chama o detetive para tentar resolver o problema.

E aí começa mais uma investigação de Poirot, com a diferença de que essa foi a primeira delas! Os elementos estão todos lá: Poirot prestando atenção em pistas que nenhuma outra pessoa parece perceber, Hastings achando que seu amigo é muito estranho e um pouco louco, Poirot se desesperando mas resolvendo tudo no final. E, como não podia deixar de ser, Hastings se faz de idiota pra uma das garotas.

Tudo muito parecido com os outros livros - com exceção do mistério principal, que é claro que é muito bom - mas que pode ser desculpado por ser o primeiro livro dela: os outros é que são iguais a esse e não esse que é igual aos outros! Se é pra falar alguma coisa ruim desse livro é que os personagens não têm a mesma profundidade encontrada em outros livros, mas não dá pra exigir muito já que o mistério é bem construído e a história é interessante.

Uma boa leitura policial com os melhores elementos da Agatha Christie. E se você gosta do Hastings capaz de gostar ainda mais.


Título Original: The Mysterious Affair at Styles (1920)
De Agatha Christie (Reino Unido)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails